Textos

Fruta inesperada
Fruta inesperada





Frutas saborosas são as frutas que há nesta horta, porém a terra não é assim tão boa...
Procurei colher morangos, maçãs ou uvas, mas não estavam no seu devido tempo...
Tempo bom, é tempo semeável, agradável, e nele nada é infértil, por certo.
Estranho! Eis que nasce uma fruta inesperada, fruta rara, na horta de terra seca.

Crescida, ela traz alegria ao semeador, pois a colheita desta, jamais foi esperada.
Dura é a chuva que não vem molhar e trazer a vida colorida, tão esperada...
Esperada é a colheita da fruta rara, tão bem colhida, sem igual.
Prazerosa é a cesta que carrega o resultado do esforço, quase que anormal.

O arado da terra vira a idéia até do mais louvável pensador...
Macia é a casa da minhoca animadora...
Bom é mesclar o frio com o calor, apoia a planta...

O doce que antes não parecia tão doce, agora parece,
A mudança evolui na medida que é aceitada.
Fruta rara, o sorriso do semeador é o mínimo de resposta a tua presença.
Mariano Soltys
Enviado por Mariano Soltys em 28/02/2013


Comentários