Textos

PROCURAD(AM)OR
PROCURADOR
PROCURA AMOR

Sempre sou procurador do amor de alguém...
Amor que não vem, que não se acha...
Você acha que tenho alguma coisa além de dor?
Procura dor...
E falam de amor comigo, do amor que não tenho
E amor, e dor, e procura dor, e nada
Sou desamado, desalmado com isso
Falam de amor, falo de amor, sou procurador
Não tenho direito, só administro
Sinistro
Procurador
Procura dor
Amor - pra mim sonho
Bolo que como sozinho
Tolo... sou tolo
E dividem amor
Outro
Sou amigo
Goma, sou sol
Brilho distante, sozinho, amo
Procurador
Procura amor
E não encontra
Assim sou, advocatus amoris
Sou vela
Sou atrio sagrado e distante
Sou triangulo
Procurador
Era amor
Estou renascendo mau
Parto de cesariana, sou César
Guerra troco
Por falta de amor
Terra, tronco, ronco, bala, tanque...
Isso gera falta de amor
Sou procurador
Procuro litígio
Troco por aquilo
E nisso sou perdido
Amor, sem flor, sem cor, amor de terceiro
Sou assim procurado, procuro dor
Curo, saro, sinto minha alma, lama
Volto a ser Adão no começo... sem Eva
Procura dor, advocatus diaboli
Sou acusador
Dos meus próprios pecados, pescados
Peixes cristãos, só tenho cruz
Sorrio, só rio, afundo
E me encontro
Sou amor
E por ninguém dividir, fui salvo.

Mariano Soltys
Enviado por Mariano Soltys em 28/02/2013


Comentários